21/12/2019: Advento – O plano

4º Advento – O PLANO   Isaías 53.10

Nas últimas semanas consideramos a encarnação do  Senhor Jesus Cristo. Vimos que tínhamos uma #1 Necessidade. Fomos criados para amar a Deus, porém nos afastamos desse propósito. Assim, Deus decide intervir com #2 A Promessa da vinda daquele que restauraria esse propósito. Com o passar do tempo, a promessa se torna uma #3 Anunciação, momento em que o anjo comunica o nascimento do Messias. Hoje vamos adicionar um detalhe a mais. A história, diante de nós, está ligada ao prazer no coração de Deus. E isso nos leva ao #4 O Plano. Não há demonstração mais clara, maior e mais direta do amor de Deus do que entregar Seu Filho, porque a essência do amor é o sacrifício! O texto nos diz que:

Foi do agrado do Senhor esmagá-Lo

Deus não encontra prazer nos momentos particulares do sofrimento de Seu Filho Jesus; Ele sente prazer no que esse sofrimento traria como resultado!

A vida dele como uma oferta pela culpa

O ser humano tinha um problema que não conseguia resolver. Pecado! É por isso que a promessa de um    Salvador é tão necessária. E assim, desde o primeiro dia, aquele bebezinho estava destinado a morrer.

Prolongará seus dias

Que plano! Uma morte! Vida sendo concedida! Isaías 53.10 é uma declaração do amor de Deus que é magnífico e fiel, tão poderoso, a ponto de enviar Jesus para que pudéssemos conhecer a vida!

O descanso que buscamos, e precisamos, não é encontrado no entendimento. O descanso é encontrado no  Senhor Jesus. Não há demonstração mais clara do amor de Deus por nós do que Jesus.  Que a Esperança que está em Jesus possa ser realidade em nossas vidas neste   Natal. Com isso em mente, desejo a todos um Feliz   Natal! Cristo nasceu, nosso Redentor chegou!

 

Postar um comentário