12/01/2020 Igreja: Um lugar para orar

Um Lugar para Orar.

Atos 4.23-31

 Se você não sabe que a vida é guerra, não saberá para que serve a oração” (John Piper).

Mais cristãos foram martirizados por sua fé somente neste século do que nos 19 séculos anteriores juntos. A lista de aflições parece uma sopa alfabética de crueldade: amputação, bombardeio, crucificação, açoitamento, sequestro, assassinato, prisão, estupro, escravidão, tortura. Assim como nos dias de Daniel, a presença de pessoas que se recusam a se curvar diante de ídolos sancionados pelo Estado envia tiranos à fúria genocida” (Charles Colson).

o sangue dos mártires é a semente da igreja” (Tertuliano).

O que essas frases tem a ver com a oração? O texto de hoje nos apresenta algumas questões importantes para se refletir sobre esse tema. O texto aponta:

Uma Grave Crise (v.23).

O que você faria se a Suprema Corte ordenasse que você não falasse sobre Jesus?

Uma Oração Fervorosa (vv.24-30).

  • Foi uma oração unida.
  • Foi uma oração fervorosa.
  • Foi uma oração Bíblica.
  • Foi uma oração de fé.
  • Foi uma oração específica.

Uma Resposta Incrível (v.31).

  • O lugar onde eles estavam foi abalado
  • Todos ficaram cheios de Espírito.
  • Eles anunciaram a Palavra de Deus com ousadia.

O que fazer com Isso?

Três verdades importantes para nosso tempo.

  1. Estamos envolvidos em uma batalha de proporções cósmicas.
  2. A oração é a nossa principal arma quando o mundo se volta contra nós.
  3. O que acontece conosco pessoalmente não importa tanto quanto o que acontece com o Evangelho.

Pr. Frithold Krüger

Postar um comentário